Parkinson e Alzheimer s√£o COMORBIDADE, Secretaria da Sa√ļde reconhece o equ√≠voco e libera vacina√ß√£o

Secretaria de Sa√ļde de Alfenas reconhece o equ√≠voco e volta atr√°s liberando a vacina√ß√£o para quem tem Alzheimer e Parkinson

Por Jornalista Alair de Almeida, Editor e Diretor do Jornal Região Sul em 07/06/2021 às 19:27:20
Alfenas, Centro, Igreja Matriz de São José Dores, Praça Getúlio Vargas

Alfenas, Centro, Igreja Matriz de São José Dores, Praça Getúlio Vargas


Alfenas: Parkinson

e Alzheimer s√£o

COMORBIDADE,

Secretaria da Saúde

reconhece o equívoco

e libera vacinação

O Jornal Regi√£o Sul ouviu reclama√ß√Ķes de v√°rios pacientes que t√™m Parkinson e Alzheimer, e que n√£o estavam sendo vacinados em Alfenas, porque nos locais de vacina√ß√£o, mesmo apresentando os laudos médicos, a resposta era de que eles n√£o se enquadravam nas especifica√ß√Ķes do Ministério da Saúde e n√£o poderiam ser vacinados.

Usu√°rios cadastrados no SUS em Alfenas passam de 140 mil pessoas

Sede da Secretaria Municipal de Saúde de Alfenas, Pra√ßa Emílio da Silveira, em frente ao Ponto de T√°xi da antiga Rodovi√°ria

A reportagem do dia 05 de junho do jornal Região Sul provocou uma grande discussão sobre o assunto e cerca de 350 pessoas de Alfenas e região entraram em contato com a redação do jornal pedindo a intermediação do RS para a solução deste problema.

Eis o trecho da reportagem do dia 05 de junho do Regi√£o Sul

Pessoas com Comorbidade

est√£o tendo o seu direito desrespeitado em Alfenas


Profissionais respons√°veis pela Vacina√ß√£o n√£o definem o que é COMORBIDADE e pessoas que t√™m direito à vacinas n√£o est√£o sendo vacinadas, sem orienta√ß√£o porque ninguém sabe nada de nada. T√™m muitas pessoas que apresentam os Laudos Médicos, e quem est√° atuando na vacina√ß√£o, liga para a Central de Vacinas no PSF Dr. Plínio, e a resposta é que o que ela apresenta n√£o é COMORBIDADE e n√£o se enquadra nas prioridades.

A reportagem ouviu v√°rios pacientes, analisou o que orienta o Ministério da Saúde e a conclus√£o Sem√Ęntica é de que os respons√°veis pela Vacina√ß√£o, est√£o passando por cima da lei, e n√£o respeitam os Laudos de Profissionais da Saúde que est√£o seguindo os procedimentos médicos e o que orienta o Ministério da Saúde.

Esta reportagem acompanhou alguns casos em locais diferentes e a negativa foi a mesma nos PFSs, mesmo com consulta e apresenta√ß√£o de laudos médicos, houve a negativa de vacina√ß√£o, e quem respondeu do outro lado da linha para quem estava aplicando as vacinas, n√£o quis conversar com a reportagem, mesmo com apresenta√ß√£o de Vídeos que mostravam a posi√ß√£o do Ministério da Saúde.