Covid-19: Estado aponta estabilidade na média semanal de novos casos, internações e mortes no Sul de MG

Por Marco Antônio Gomes de Carvalho em 09/06/2021 às 14:05:07
Estudo foi realizado pela Universidade Federal de Alfenas. Segundo os pesquisadores, os dados pós-feriado de Corpus Christ ainda não foram analisados. Novo estudo divulgado pela Universidade Federal de Alfenas (Unifal) aponta tendência na estabilidade de novos casos de Covid-19, após duas semanas seguidas de crescimento. Segundo a pesquisa, as internações e óbitos também apresentam estabilidade. De acordo com os pesquisadores, a situação ainda exige cautela, uma vez que não foram analisados os dados pós-feriado de Corpus Christ.

Sul de MG registra recorde negativo pelo 2º dia seguido, com mais 3,4 mil novos casos de Covid-19

Com relação à média móvel semanal de novos casos no Sul de Minas, a Regional de Alfenas é a única que apresentou tendência em crescimento de novos casos (19%).

Dentre os municípios mais populosos, Varginha e São Sebastião do Paraíso foram as únicas cidades que apresentam crescimento na média semanal de casos. Foram 30% e 35%, respectivamente. Varginha registra tendência crescente do contágio há um mês.

Já Pouso Alegre (-26%), Passos (-31%) e Três Pontas (-28%) apontam queda na quantidade de novos casos durante a semana.

Quadro mostra a média semanal de casos, mortes e internações nas Regionais de Saúde do Sul de Minas

Divulgação/Unifal

Impactos da onda roxa

Desde o primeiro dia da onda roxa, a média diária de novos casos na semana no Sul de Minas tem ficado acima de mil, exceto na 6ª semana. As medidas mais restritivas podem ter evitado uma escalada de casos até a 9ª semana. Depois, a média diária ficou acima de 1,5 mil casos. A onda roxa terminou na 4ª semana no Sul de Minas.

Tabela mostra média semanal de casos durante a onda roxa no Sul de Minas

Divulgação/Unifal

Internações e mortes

Assim como os novos casos, o Sul de Minas apresenta tendência de estabilidade nas novas internações e mortes por Covid-19. Entretanto, a Regional de Alfenas manteve a tendência de crescimento em novas internações e a Regional de Pouso Alegre, que estava estável, apresentou crescimento nesse indicador.

Com relação aos dez maiores municípios, houve aumento no número de cidades com crescente tendência de novas internações. Há uma semana eram apenas Varginha e Alfenas. Alfenas manteve o crescimento em internações (140%) e os municípios de Poços de Caldas (276%), Itajubá (100%), São Sebastião do Paraíso (33%) e Três Pontas (38%) também registraram esta tendência.

Em Varginha, Passos e Três Corações as internações permaneceram instáveis e em Pouso Alegre e Lavras caíram.

Já de acordo com a média semanal de mortes, Três Pontas é o município com maior incidência de óbitos (100%). Itajubá também registrou aumento no número de mortes durante a semana. Três municípios se mantiveram estáveis e cinco deles apresentam queda na média semanal de óbitos.

Quadro mostra média semanal de casos nos dez maiores municípios do Sul de Minas

Divulgação/Unifal

VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas

Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Comunicar erro
Casa Coelho

Comentários

Novato