Ciro Gomes, ACM Neto e outros políticos repercutem a morte de Marco Maciel

Ex-Vice Presidente do Brasil morre em Brasília

Por Jornalista Alair de Almeida, Editor e Diretor do Jornal Região Sul em 12/06/2021 às 09:06:58

Alguns pol√≠ticos come√ßaram a usar as redes sociais para dedicar homenagens após a morte do ex-vice-presidente da Rep√ļblica Marco Maciel.



Ao longo da carreira, antes de se tornar político, Maciel atuou como advogado. Depois, assumiu cargos de deputado, senador e governador de Pernambuco. Ele exerceu o mandato de vice-presidente durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, de 1995 a 2003. Em 2014, foi diagnosticado com Alzheimer.

Nas redes sociais, o partido Democratas divulgou nota em que a sigla "se despede, j√° com o cora√ß√£o saudoso", de um dos seus fundadores. O comunicado é assinado pelo presidente do DEM, ACM Neto.

"Marco Maciel foi um dos mais importantesquadros do nosso partido. Comsua exemplar atua√ß√£o na vida p√ļblica, escreveu uma história irretoc√°vel dededica√ß√£o ao nosso pa√≠s."

Curado da Covid-19

Em mar√ßo, o Marco Maciel foi diagnosticado com Covid-19 e, à época, deu entrada em um hospital particular de Bras√≠lia para uma bateria de exames, que constataram a doen√ßa.

Na ocasi√£o, a esposa do pol√≠tico, Ana Maria Maciel, informou que ele estava sendo tratado em casa, com orienta√ß√£o médica, e se recuperou da infec√ß√£o. Em maio, Maciel recebeu a segunda dose da vacina contra a Covid-19.

Marco Maciel nasceu em Recife em 1940. De l√≠der estudantil, ele chegou ao cargo de vice-presidente da Rep√ļblica, em 1995.

O pol√≠tico ganhou sua primeira elei√ß√£o como deputado estadual ainda na década de 1960 e, na elei√ß√£o seguinte, em 1970, Maciel foi eleito deputado federal. Em 1976 foi eleito presidente da C√Ęmara dos Deputados.

Na gest√£o Geisel, Marco Maciel foi escolhido para assumir o governo de Pernambuco e, à época, criou um projeto de combate à seca e deu prioridade ao Porto de Suape, iniciado no governo de Eraldo Gueiros. Foi no governo dele que um navio atracou no porto pela primeira vez.

Na pol√≠tica, Maciel participou das articula√ß√Ķes que criaram o PDS, em substitui√ß√£o ao Arena. Com a volta das elei√ß√Ķes diretas para governador, em 1982, ele indicou o vice Roberto Magalh√£es para disputar o governo e se candidatou ao Senado.

Eleito, no Senado, Maciel ganhou mais destaque como articulador pol√≠tico e, em 1984, se tornou pe√ßa chave na cria√ß√£o de uma alian√ßa com os oposicionistas ao regime militar. À época, o senador pernambucano estava cotado para ser o vice de Tancredo Neves, mas o senador José Sarney terminou sendo o escolhido.

Em 1994, Marco Maciel foi indicado vice na chapa do ent√£o candidato à presid√™ncia Fernando Henrique Cardoso, onde ocupou o cargo até 2002. Em 2003, o pol√≠tico foi eleito para a Academia Brasileira de Letras, com sede no Rio de Janeiro.

Em 2010, quando j√° tentava o quarto mandato de senador, sofreu sua primeira derrota nas elei√ß√Ķes de Pernambuco, disputando, assim, sua √ļltima elei√ß√£o.

Fonte: UOL, G1 - Yahoo Press

Comunicar erro
Casa Coelho

Coment√°rios

Novato