Dia da Consciência Negra: museu dedica espaço para retratar cultura negra de Pouso Alegre, MG

Por Marco Antônio Gomes de Carvalho em 20/11/2021 às 12:50:42
Museu reuniu fotos que contam a história de luta do movimento negro na cidade. Dia da Consciência Negra: museu dedica espaço para retratar cultura negra de Pouso Alegre, MG

Museu Tuany Toledo

O Dia da Consciência Negra, celebrado neste sábado (20), relembra a luta dos negros contra a opressão no Brasil. Em Pouso Alegre (MG), o Museu Tuany Toledo vai dedicar um espaço para retratar a cultura negra do município. O local reuniu fotos que contam a história de luta do movimento negro na cidade.

O espaço 'Memórias da Cultura Negra de Pouso Alegre' promete relembrar toda a luta desse movimento que teve início no século XX, com a busca de atingir seus direitos e o reconhecimento da sociedade.

O museu destaca a recordação do grupo de negros que fundou o 'Clube 28 de Setembro' em 1904. O clube tinha escola, banda musical e um grupo de teatro, que ajudavam os negros a conquistarem novos espaços na sociedade.

Dia da Consciência Negra: museu dedica espaço para retratar cultura negra de Pouso Alegre, MG

Museu Tuany

“Procuramos retratar algumas das memórias de toda essa trajetória da cultura negra de Pouso Alegre. Lembrar toda a história do movimento negro para buscar o reconhecimento de sua cultura junto à comunidade local. Falta acrescentarmos o título que identificará o espaço para os visitantes, o que já está em fase de elaboração”, explica o diretor do museu, Mayke Riceli.

Em Pouso Alegre, o Dia da Consciência Negra foi instituído como feriado municipal em 2015. A data também faz referência à morte do Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares que fica entre os estados de Alagoas e Pernambuco.

VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas

Veja mais notícias da região no g1 Sul de Minas
Comunicar erro

Comentários