Homem de 52 anos é preso suspeito de estuprar e importunar sexualmente comerciante em Santa Rita do Sapucaí

Por Repórter Yuri Almeida, acadêmico de Gastronomia da UNIFENAS, Historiador pela UNIFAL em 23/11/2021 às 15:14:57

Homem de 52

anos é preso

suspeito de

estuprar e

importunar

sexualmente

comerciante

em Santa Rita do Sapucaí

Suspeito foi preso na manhã desta terça-feira em Juiz de Fora, Zona da Mata. Um homem de 52 anos, suspeito de estupro e importunação sexual de uma comerciante em Santa Rita do Sapucaí (MG), foi preso nesta terça-feira (23) em Juiz de Fora, na Zona da Mata. Ele era procurado pela polícia desde o dia 11 de novembro.

Santa Rita do Sapucaí endurece medidas restritivas contra COVID - Gerais - Estado de Minas

Segundo a Pol√≠cia Civil, a pris√£o foi realizada após investiga√ß√Ķes que levara ao pedido de pris√£o preventiva do suspeito. Durante a a√ß√£o, também foi localizada a roupa que teria sido usada por ele na pr√°tica dos crimes.

Conforme a pol√≠cia, com a pris√£o, o inquérito deve ser conclu√≠do e encaminhado à Justi√ßa nos próximos dias. Ainda segundo a pol√≠cia, o homem seria levado a uma unidade do sistema prisional.

Pol√≠cia Civil abre inquérito para investigar tentativa de estupro contra comerciante em MG

O crime

Segundo o boletim de ocorrências, a vítima contou aos policiais que um homem entrou na loja dela e perguntou se ela teria peças de roupas masculinas. Quando a mulher de 27 anos foi mostrar as peças, um homem teria mandado que ela entrasse no provador da loja.

Ainda de acordo com o BO, a v√≠tima contou que ficou com medo e por isso foi até ao provador. De acordo com o relato da comerciante, o suspeito pediu para que ela retirasse as cal√ßas e diante da negativa dela, ele colocou a m√£o dentro da cal√ßa da v√≠tima, chegando a danificar o bot√£o da roupa.

A mulher come√ßou a gritar, o que fez com que o homem sa√≠sse da loja. Além do testemunho, a comerciante entregou aos policiais as c√Ęmeras de seguran√ßa da loja.

Fonte: G1 Sul de Minas e Polícias Civil e Militar / EPTV

Comunicar erro

Coment√°rios