Conheça ANNA, semifinalista do 'ÉPra Cantar', concurso musical da EPTV, e ouça a mĂșsica

.

Por Jornalista Alair de Almeida, Diretor e Editor do Jornal Região Sul em 13/05/2024 às 11:53:48

Cantora concorre a uma vaga na final do concurso, que tem como prĂȘmio uma apresentação no João Rock. Saiba mais sobre a história dela. 'À VocĂȘ', de ANNA

A cantora ANNA, de Varginha (MG), é uma das semifinalistas do "ÉPra Cantar", concurso musical da EPTV, afiliada da TV Globo.

Nesta semana ela participa de uma votação no portal Tudo EP para definir uma vaga na final.

O prĂȘmio da competição é uma apresentação de 25 minutos no João Rock, um dos maiores festivais de mĂșsica do paĂ­s, em Ribeirão Preto (SP), no dia 8 de junho.

O concurso recebeu 722 inscrições.

As canções são autorais e em portuguĂȘs. ANNA concorre com a mĂșsica "À vocĂȘ".

Ouça acima e veja mais detalhes da semifinalista abaixo.

ÉPra Cantar: ANNA é semifinalista do Sul de Minas no concurso musical da EPTV

Arquivo pessoal

Do brincar ao cantar

ANNA, de 23 anos, começou a compor como uma "brincadeira de infância" e se encontrou na interpretação de ritmos populares para sanar a busca dos jovens por entretenimento no interior.

Apesar de ainda não viver da mĂșsica, jĂĄ se preocupa em criar uma performance diferente a cada apresentação.

Quem a acompanha é o grupo composto por Artur Guidugli (baterista e direção musical), Raphael Wagner (guitarra), Rhayron Batista (DJ), Cris Augusta (backing vocal), além de Lucas Villela e Maria Teresa – dançarinos e coreógrafos.

"Ser uma jovem cantora, em uma cidade do interior de Minas Gerais, onde o maior foco social e de infraestrutura estĂĄ no agro e no bem-estar de pessoas de idade mais avançada, poder ter a escolha de interpretar mĂșsicas de ritmos populares como o Funk, Pop, House, R&B, Disco, Reggaeton - e toda essa mistura maluca em shows lotados de outros jovens e tanta gente que busca o direito de lazer e a liberdade de ser quem se é - é de uma riqueza enorme. É o que me motiva!", afirma.

'À vocĂȘ'

A canção que concorre a uma vaga na final do ÉPra Cantar é um relato de uma experiĂȘncia frustrada no amor após uma dose extra de expectativas.

A maioria das composições da cantora surge dos "amores bem e mal sucedidos", acompanhando o enredo da vida real.

"Eu compus essa mĂșsica sozinha, letra e linha melódica principal em Bossa Nova.

A ideia de trazer ela para o POP, misturando referĂȘncias do MPB e do Rock brasileiro, vieram em conjunto da direção musical do Artur Guidugli, meu grande parceiro de tudo que fiz até agora", completa.



Fonte: Da Redação e G1 Sul de Minas

Comunicar erro
Fepi

ComentĂĄrios

novato