Conceição da Aparecida adere à onda vermelha e permite só serviços essenciais por 15 dias

Por Marco Antônio Gomes de Carvalho em 12/01/2021 às 17:38:47
Decreto restringindo atividades na cidade foi publicado pela prefeitura e já está em vigor. Um decreto publicado pela Prefeitura de Conceição da Aparecida (MG) declara situação de Emergência em Saúde Pública na cidade e coloca o município na onda vermelha do programa Minas Consciente por 15 dias.

No decreto, o funcionamento dos supermercados, padarias, bancos e farmácias, por exemplo, fica restrito a receber uma pessoa por família e com capacidade máxima de lotação de 30%. Também é exigido o distanciamento de dois metros, uso de máscara e álcool gel e o controle da fila de entrada. Poderão entrar apenas três clientes por vez.

Todas os outros setores têm normas parecidas. Os restaurantes, bares e lanchonetes só poderão funcionar no sistema delivery e até as 23h. Os hotéis só poderão oferecer 30% de sua capacidade e deixar as áreas comuns fechadas. Nos escritórios de prestadores de serviço, o atendimento será por agendamento e os locais deverão ficar de portas fechadas.

As clínicas médicas, dentistas e laboratórios deverão atender somente três pessoas por vez. As igrejas também poderão funcionar com ocupação limitada de 30% e distanciamento de dois metros. E os eventos coletivos particulares ou não, como festas ficam proibidos.

Outros estabelecimentos como academias de ginástica, salões de beleza e áreas públicas como praças deverão ficar fechados.

Em caso de descumprimento do decreto, a multa para os donos dos estabelecimentos comerciais é de R$ 872.

O decreto entrou em vigor no último domingo (10) e tem validade de 15 dias.

Conceição da Aparecida adere à onda vermelha e permite só serviços essenciais por 15 dias

Reprodução

Números

A cidade de Conceição da Aparecida possui pouco mais de 10 mil habitantes e tem 22 casos positivos de Covid-19, com quatro mortes e 22 casos suspeitos. São 135 casos desde o início da pandemia.

Segundo a Secretária Municipal de Saúde, Sandra Regina Valeriano, a cidade está com uma média de cinco casos por dia. “Estão surgindo muitos casos. Esses casos começaram a surgir de novo depois do natal e ano novo”, afirmou.

Mais cidades

Além de Conceição da Aparecida, pelo menos outras três cidades também aderiram à onda vermelha do Minas Consciente: Guaxupé, Guaranésia e Boa Esperança.

VÍDEOS: Veja os vídeos mais assistidos do G1 Sul de Minas

Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Comunicar erro
Casa Coelho

Comentários

Novato