Sul de MG tem mais de 1,3 mil novos casos de Covid-19 e volta a bater recorde diário

Por Marco Antônio Gomes de Carvalho em 13/01/2021 às 12:01:14
Ao todo, foram mais 1.306 casos positivos e 13 óbitos confirmados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) nesta quarta-feira (13). O Sul de Minas voltou a bater recorde diário de novos casos de Covid-19 em 24 horas. Nesta quarta-feira (13), foram confirmados pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) mais 1.306 casos positivos e 13 óbitos. Foi o maior número de infecções contabilizadas em apenas um dia desde o início da pandemia.

Com os novos registros, o Sul de Minas atingiu a marca de 63.572 contaminações pela Covid-19, com 1.336 óbitos em decorrência da doença.

Estes dados são referentes ao balanço publicado pela Secretaria de Saúde de Minas Gerais e podem apresentar divergências com os já divulgados por prefeituras, devido a períodos diferentes de fechamento.

As novas mortes foram registradas em:

+ 2 Passos

+ 2 Guaxupé

+ 1 Ilicínea

+ 1 Carmo de Minas

+ 1 Elói Mendes

+ 1 São Sebastião da Bela Vista

+ 1 São Vicente de Minas

+ 1 Campo do Meio

+ 1 Divisa Nova

+ 1 Nazareno

+ 1 Serrania

A SES-MG retirou uma morte em Passa-Vinte. Era a única contabilizada na cidade

Os novos casos confirmados foram registrados em 103 cidades:

+ 122 Varginha

+ 107 Alfenas

+105 Passos

+ 61 Três Corações

+ 56 Pouso Alegre

+ 49 Poços de Caldas

+ 42 Jacutinga

+ 35 Três Pontas

+ 31 Boa Esperança e Itutinga

+ 28 Itajubá

+ 26 Machado

+ 25 Conceição dos Ouros

+ 21 Itaú de Minas

+ 19 Areado e Lavras

+ 18 Guaxupé

+ 16 Inconfidentes

+ 15 São Pedro da União

+ 14 Alterosa, Extrema, Juruaia e Senador Amaral

+ 13 Andradas

+ 12 Bependi, Careaçu, Carrancas, Passa Quatro e Perdões

+ 11 Borda da Mata, Cássia, Monte Santo de Minas e São Gonçalo do Sapucaí

+ 10 Arceburgo, Muzambinho e Nepomuceno

+ 9 Bueno Brandão e Cristais

+ 8 Botelhos, Itamonte, Itapeva e São João Batista do Glória

+ 7 Brazápolis, Campanha, Campos Gerais, Conceição da Aparecida, Congonhal, Cruzília, Ibitúra de Minas, Jacuí, Monte Belo, Nova Resende, Paraguaçu, São Tiago e São Tomás de Aquino.

+ 6 Ilicínea

+ 5 Carmo de Minas, Caxambu, Ipuiuna, Itumirim, Lambari, Paraisópolis, Piranguinho e São José da Barra

+ 4 Bom Sucesso, Elói Mendes, Ingaí, Santana do Jacaré, Seritinga e Silvianópolis

+ 3 Alagoa, Cabo Verde, Campestre, Carvalhópolis, Claraval, Conceição do Rio Verde, Consolação, Fama, Jesuânia, Liberdade, Passa-Vinte e São José do Alegre

+ 2 Albertina, Cachoeira de Minas, Cambuquira, Conceição da Barra de Minas, Heliodora, Minduri e Santana da Vargem

+ 1 Aguanil, Bom Repouso, Caldas, Gonçalves, Guapé, Itamogi, Luminárias, Munhoz, Natercia, Piranguçu, Ribeirão Vermelho, São Sebastião da Bela Vista e São Vicente de Minas

A SES-MG retirou casos das seguintes cidades:

- 57 Córrego Bom Jesus

-2 Estiva

- 1 Serrania

- 1 Nazareno

- 1 Divisa Nova

Conforme os dados, Pouso Alegre segue liderando o número de casos da Covid-19 no Sul de Minas com 4.804 registros, sendo 81 mortes. Extrema tem 3.727 casos, com 34 mortes. Varginha agora é a terceira com mais registros: 3.146, com 50 mortes. Poços de Caldas tem 3.121 registros, com 88 mortes e Alfenas tem 2.971 casos, com 65 mortes.

Até o momento, em Minas Gerais, são 602.833 casos confirmados de Covid-19, com 12.750 mortes. Conforme a SES-MG, 538.004 pessoas estão recuperadas.

Cidades com mais casos confirmados de Covid-19 no Sul de Minas

Divergência de números

Os número de casos suspeitos e confirmados divulgados pela SES-MG têm sido diferentes dos que estão sendo anunciados diariamente em boletins de prefeituras.

Sobre isso, a secretaria informou que assim que o caso suspeito é identificado pelo serviço de saúde, é realizada uma triagem com este paciente de acordo com dados clínicos e epidemiológicos, auxiliando na tomada de conduta de interação ou isolamento domiciliar. O profissional de saúde entra em contato com o CIEVS-Minas ou Unidade Regional de Saúde para discussão do caso.

Definido como caso suspeito, o município preenche um formulário com os dados do paciente denominado RedCap, específico do Ministério da Saúde. Através deste formulário é gerado todo o banco de dados do Coronavírus no Estado.

Entenda algumas das expressões mais usadas na pandemia do covid-19

O COES Coronavírus analisa esse banco de dados diariamente, reclassifica os casos, solicita novas informações ao município e faz o cruzamento dos resultados de exames laboratoriais. Após todo esse trabalho, que é realizado até as 13h do dia corrente, é que os dados estarão tratados para fazerem parte do Boletim Diário.

Dessa forma, é necessário percorrer todo este fluxo de notificação para que os casos sejam incluídos no boletim epidemiológico divulgado pela SES-MG e, por esta razão, divergências pontuais entre os municípios e os casos já computados pela SES-MG, podem ocorrer, tanto em relação a casos suspeitos quanto a casos confirmados.

Dicas de prevenção contra o coronavírus

Arte/G1

Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Comunicar erro
Casa Coelho

Comentários

Novato