Funcionamento do Hospital de Campanha será prorrogado em Varginha, MG

Por Marco Antônio Gomes de Carvalho em 10/06/2021 às 11:23:47
Estrutura seria desmontada no próximo dia 31, mas prefeitura já iniciou processo de renovação do contrato. Contrato do Hospital de Campanha de Varginha será prorrogado novamente

O funcionamento do Hospital de Campanha de Varginha (MG) será prorrogado. A estrutura completa 1 ano de funcionamento neste mês e seria desmontada no próximo dia 31, mas a prefeitura já iniciou o processo de renovação do contrato.

"O hospital é um hospital provisório de combate à Covid, com 20 leitos de CTI, 30 leitos de enfermaria, esses leitos estão contingenciados dentro do plano da macrorregião Sul de Minas e o cenário epidemiológico está exigindo a permanência desse quantitativo para atender a população regional", disse o superintendente de combate à Covid-19 de Varginha, Luiz Carlos Coelho.

Segundo ele, a permanência do hospital está sendo negociada com a direção da Unifal-MG.

"É um termo de cessão de uso de dois blocos da Unifal, isso sempre é negociado com o conselho diretor e a direção da Unifal de Varginha, que desde o primeiro momento têm sido parceiros de primeira hora e que vêm entendendo a necessidade desse quantitativo de leitos para o enfrentamento da Covid em Varginha e no entorno. Então normalmente é negociado com o conselho diretor períodos em função de uma análise epidemiológica para que gradativamente a gente sinalize a necessidade ou não dos leitos", disse.

Funcionamento do Hospital de Campanha será prorrogado em Varginha (MG)

Reprodução/EPTV

Conforme o superintendente, 30% de todas as internações do hospital de campanha atendem a cidades do entorno de Varginha.

"O hospital de campanha não tem uma porta de entrada para demanda espontânea de pacientes ambulatoriais. São os leitos que já ficam estabelecidos, colocados no SUS Fácil, que não só Varginha, quanto todas as cidades da macro Sul tenham acesso ao painel desses leitos e através da regulação do SUS, esses leitos vão sendo ocupados. Então a gente vem tendo na média 30% de todas as internações do hospital de campanha de cidades da região Sul de Minas", disse o superintendente.

Hoje o Hospital de Campanha permanece com todos os leitos de CTI ocupados e com cerca de 60% de ocupação em enfermarias.

"É um hospital que fica continuamente em ocupação máxima. A gente tem 20 pacientes de CTI, a média de ocupação de enfermaria tem gerado em torno de 60 a 70%, enfermarias não é um nó que se tem, agora os leitos de CTI, muitas vezes é o tempo de esterilizar o leito, organizar o leito para receber um novo paciente, tão logo ele seja vagado", completou o superintendente.

Varginha é a segunda cidade da região com mais casos confirmados de Covid-19. Conforme os últimos dados divulgados pela prefeitura, a cidade já tem 11.789 casos confirmados do novo coronavírus, com 248 mortes.

VÍDEOS: Veja tudo sobre o Sul de Minas

Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Comunicar erro
Casa Coelho

Comentários

Novato